Aviso: Se está a ler esta mensagem, provavelmente, o browser que utiliza não é compatível com os "standards" recomendados pela W3C. Sugerimos vivamente que actualize o seu browser para ter uma melhor experiência de utilização deste "website". Mais informações em webstandards.org.

Warning: If you are reading this message, probably, your browser is not compliant with the standards recommended by the W3C. We suggest that you upgrade your browser to enjoy a better user experience of this website. More informations on webstandards.org.

Sub Menu
ISCTE-IUL  >  Ensino  >  MGM , MPRI

Diversidade no Trabalho (1 º Sem 2019/2020)

Código: 01694
Acrónimo: 01694
Nível: 2º Ciclo
Estruturante: Não
Língua(s) de Ensino: Inglês
Língua(s) amigável(is):
Ser English-friendly ou qualquer outra língua-friendly, significa que a UC é leccionada numa língua mas que se pode verificar qualquer uma das seguintes condições:
1. Existem materiais de apoio em língua inglesa/outra língua;
2. Existem exercícios, testes e exames em língua inglesa/outra língua;
3. Existe a possibilidade de se apresentar trabalhos escritos ou orais em língua inglesa/outra língua.
1 6.0 0.0 h/sem 24.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 1.0 h/sem 25.0 h/sem 125.0 h/sem 0.0 h/sem 150.0 h/sem
Em vigor desde o ano letivo 2018/2019
Pré-requisitos Não se aplica.
Objectivos A diversificação da força laboral têm sido um objectivo político, mas também um facto histórico--e sê-lo-á no futuro. Abordagens recentes a este tópico têm em conta processos subjacentes e moderadores contextuais dos efeitos da diversidade e apontam para o importante papel das atitudes, liderança e clima organizacional. A UC introduz o estado da arte da pesquisa acerca do papel da diversidade no trabalho.
Programa CP1. Contexto histórico da diversificação da força laboral
CP2. Dimensões e tipologias da diversidade nas organizações
CP2.1. Diversidade demográfica (género, idade, etnicidade, ?raça?, religião)
CP2.2. Diversidade relacionada com o emprego (conhecimento da tarefa, background educativo e funcional)
CP2.3. Diversidade cultural (conhecimento cultural, valores)
CP2.4. Diversidade na personalidade (abertura, socialização)
CP2.5. Diversidade relacional (troca entre líder e seguidor, poder e estatuto)
CP3. Principais abordagens aos processos envolvidos nos efeitos da diversidade na performance dos grupos de trabalho
CP3.1. A abordagem da categorização social
CP3.2. A abordagem da informação/tomada de decisão
CP3.3. Mediação e moderação dos efeitos da diversidade
CP4. Gerir a diversidade
CP4.1. Intervenções estruturais: Quebrar barreiras
CP4.2. Diversidade e liderança
CP4.3. Diversidade e clima organizacional
Processo de avaliação Avaliação parcelar: 1) Tarefa de grupo (40%) incluindo apresentação de texto em aula, participação e relatório de projeto de investigação (cobrindo o conteúdo da UC); 2) resumo crítico individual (30%) de um dos textos apresentados (cobrindo o conteúdo da UC); 3) teste individual (30%) cobrindo o conteúdo da UC. Para cada uma das tarefas é requerido um mínimo de 9.5 valores.

Avaliação em exame: teste (100%) durante o período de exames, cobrindo o conteúdo da UC.
Processo de ensino-aprendizagem A UC está organizada em aulas teórico-práticas. Os alunos serão encorajados a discutir questões reais sobre diversidade num contexto relacionado com a tarefa. Experiências pessoais e outros exemplos serão usados para ilustrar os princípios teóricos fundamentais. As abordagens e distinções teóricas serão introduzidas em mini-apresentações pelo docente e pequenos grupos de alunos. Leituras selectivas apoiarão o entendimento das implicações teóricas, metodológicas e práticas dos conceitos.
Observações Os textos das apresentações bem como os moldes em que serão realizadas as fichas de leitura serão apresentados nas aulas pelos docentes
Bibliografia básica Brief, A. P. (ed.) (2008): Diversity at Work. Cambridge: Cambridge University Press.
Jackson, S.E. & Ruderman, M. N. (1996). Diversity in Work Teams. Washington: American Psychological Association
Stockdale, M. S. & Crosby, F. J. (2004). The Psychology and Management of Workplace Diversity. Malden: Blackwell
Van Knippenberg, D. & Schippers, M. C. (2007). Work group diversity. Annual Review of Psychology, 58, 515-541
Bibliografia complementar Williams, K., & O'Reilly, C. A. (1998) Demography and diversity in organizations: A review of 40 years of research. Research in Organizational Behavior, 20, 77-144

Carton, A. M., & Cummings, J. N. (2012). A theory of subgroups in work teams. The Academy of Management Review, 37(3), 441-470.
http://dx.doi.org/10.5465/amr.2010.0322

Guillaume, Y. R. F., Dawson, J. F., Priola, V., Sacramento, C. A., Woods, S. A., Higson, H.E., Budhwar, P.S. & West, M. A. (2014) Managing diversity in organizations: An integrative
model and agenda for future research. European Journal of Work and Organizational Psychology, 23, 783-802, DOI:
10.1080/1359432X.2013.805485

Olsen, J. E., & Martins, L. L. (2012). Understanding organizational diversity management programs: A theoretical framework and directions for future research. Journal of Organizational Behavior, 33(8), 1168-1187. https://doi.org/10.1002/job.1792

van Knippenberg, D., De Dreu, C. K. W., & Homan, A. C. (2004). Work Group Diversity and Group Performance: An Integrative Model and Research Agenda. Journal of Applied Psychology, 89(6), 1008-1022. https://doi.org/10.1037/0021-9010.89.6.1008