Aviso: Se está a ler esta mensagem, provavelmente, o browser que utiliza não é compatível com os "standards" recomendados pela W3C. Sugerimos vivamente que actualize o seu browser para ter uma melhor experiência de utilização deste "website". Mais informações em webstandards.org.

Warning: If you are reading this message, probably, your browser is not compliant with the standards recommended by the W3C. We suggest that you upgrade your browser to enjoy a better user experience of this website. More informations on webstandards.org.

Sub Menu
ISCTE-IUL  >  Ensino  >  MGM , MPRI

Diversidade e Relações Interculturais em Contexto Escolar (1 º Sem 2019/2020)

Código: 01696
Acrónimo: 01696
Nível: 2º Ciclo
Estruturante: Não
Língua(s) de Ensino: Inglês
Língua(s) amigável(is):
Ser English-friendly ou qualquer outra língua-friendly, significa que a UC é leccionada numa língua mas que se pode verificar qualquer uma das seguintes condições:
1. Existem materiais de apoio em língua inglesa/outra língua;
2. Existem exercícios, testes e exames em língua inglesa/outra língua;
3. Existe a possibilidade de se apresentar trabalhos escritos ou orais em língua inglesa/outra língua.
1 6.0 0.0 h/sem 24.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 1.0 h/sem 25.0 h/sem 125.0 h/sem 0.0 h/sem 150.0 h/sem
Em vigor desde o ano letivo 2019/2020
Pré-requisitos Não se aplica
Objectivos Esta UC destina-se a dotar os/as estudantes das competências necessárias ao diagnóstico de necessidades de intervenção em contexto escolar e à concepção de programas de intervenção social para a promoção de relações intergrupais inclusivas em contextos sociais culturalmente diversos.
Programa CP1: Introdução à diversidade social e relações interculturais na escola
1.1 Diversidade social: principais conceitos, definições e avaliação
1.2 Preditores do sucesso escolar e bem-estar: o papel da diversidade e das relações interculturais

CP2: Desenvolvimento da inclusão social e exclusão na infância e adolescência.
2.1 Evidências sobre inclusão / exclusão para diferentes dimensões da diversidade social
2.2 Teorias e hipóteses clássicas e contemporâneas

CP3: Intervenções escolares para promover a inclusão da diversidade social
3.1 Conceitos básicos e metodologias no desenvolvimento de intervenções escolares
3.2 Modelos sócio-psicológicos para promover a inclusão da diversidade social na infância e adolescência
3.3 Intervenções existentes para promover a inclusão da diversidade social na escola
Processo de avaliação Regimes de avaliação:

1) O regime de avaliação periódica inclui:
1.1) apresentação de grupo de um artigo de investigação;
1.2) O desenvolvimento de uma proposta de intervenção em meio escolar:
1.3.1) apresentação de grupo da proposta de intervenção na escola (20%)
1.3.2) relatório escrito da proposta de intervenção na escola (30% relatório de grupo; 50% reflexão crítica individual).

OU

2) Exame Final: exame escrito (100%).
Processo de ensino-aprendizagem O estudante está no centro do processo de ensino-aprendizagem. Para este fim, a abordagem expositiva é complementada com métodos activos e colaborativos de ensino e aprendizagem. A perspectiva pedagógica do curso valoriza fortemente um papel activo do aluno na discussão dos temas apresentados nas aulas, e a sua participação em exercícios individuais e de grupo propostos pelos professores.
Observações A UC é leccionada em Inglês
Bibliografia básica Aboud, F. E., & Fenwick, V. (1999). Exploring and Evaluating School-Based Interventions to Reduce Prejudice. Journal of Social Issues, 55(4), 767-785.

Aboud, F. E., & Levy, S. R. (2000). Interventions to reduce prejudice and discrimination in children and adolescents. In S. Oskamp (Ed.), Reducing Prejudice and Discrimination (pp. 269-293). Mahwah, NJ, US: Lawrence Erlbaum Associates Publishers (PS.131 Red).

Hattie, J. (2008). Visible learning: A synthesis of over 800 meta-analyses relating to achievement. NY, USA: Routledge.

Quintana, S. M., & McKown, C. (Eds.). (2008). Handbook of race, racism, and the developing child. John Wiley & Sons.

Stephan, W. G., & Vogt, W. (Eds.). (2004). Education programs for improving intergroup relations: Theory, research and practice. NY, USA: Teachers College Press (PS.132 Edu).
Bibliografia complementar Amir, Y., Sharan, S., & Ben-Ari, R. (Eds.). (1984). School desegregation. NJ, USA: Lawrence Erlbaum Associates. (PS.124 Sch,1)

Bodine, R. J., & Crawford, D. K. (1998). The Handbook of Conflict Resolution Education. A Guide to Building Quality Programs in Schools. San Francisco, USA: Jossey-Bass Publishers (elearning platform).

EACEA (2009). Integrating Immigrant Children into Schools in Europe. Brussels: Education, Audiovisual and Culture Executive Agency. (online here)

Guerra, R., Rodrigues, R. B. (2019). Inclusão e Sucesso Académico de Crianças e Jovens Imigrantes: O Papel das Dinâmicas de Aculturação. Carmona, M., Barreiros, J., Aguiar, C., Alexandre, J. & Costa-Lopes, R. Estudos 64 Observatório da Imigração. Lisboa: Alto Comissariado para as Migrações, I.P. (ACM, I.P.). ISBN: 978-989-685-088-3.

Killen, M., & Rutland, A. (2011). Children and social exclusion. Morality, prejudice, and group identity. Sussex, UK: Wiley-Blackwell (S.207 KIL*Chi).

Knowles, G., & Lander, V. (2011). Diversity, equality and achievement in education. LA, USA: Sage Publications (S.135, Kno*Div).

Marques, S., Vauclair, C.-M., Rodrigues, R. B., Mendonça, J., Gerardo, F., &
Cunha, F. (2016). imAGES: Intervention Program to Prevent Ageism in Children and Adolescents. In Baker, H., Kruger, T. M., & Karasik, R. J. (Eds.). Hands on Aging: Experiential Activities for the Classroom and Beyond! Newcastle: Springer. (available in elearning platform)

OECD (2010). Educating Teachers for Diversity: Meeting the Challenge. Paris, France: Centre for Educational Research and Innovation (available in elearning platform)

OECD (2017). Empowering and Enabling Teachers to Improve Equity and Outcomes for All. Paris, France: Centre for Educational Research and Innovation (S.183 OCDE*Emp)

Rodrigues, R. B., Rutland, A., & Collins, E. (2016). The Multi-Norm Structural Social-Developmental Model of Children's Intergroup Attitudes: Integrating Intergroup-Loyalty and Outgroup Fairness Norms. In Vala, J., Calheiros, M. & Waldzus, S. (Eds.). The Social Developmental Construction of Violence and Intergroup Conflict. Newcastle: Springer. (elearning platform)