Aviso: Se está a ler esta mensagem, provavelmente, o browser que utiliza não é compatível com os "standards" recomendados pela W3C. Sugerimos vivamente que actualize o seu browser para ter uma melhor experiência de utilização deste "website". Mais informações em webstandards.org.

Warning: If you are reading this message, probably, your browser is not compliant with the standards recommended by the W3C. We suggest that you upgrade your browser to enjoy a better user experience of this website. More informations on webstandards.org.

Sub Menu
ISCTE-IUL  >  Ensino  >  EI

Media e Jornalismo (1 º Sem 2019/2020)

Código: 02159
Acrónimo: 02159
Nível: 2º Ciclo
Estruturante: Não
Língua(s) de Ensino: Inglês
Língua(s) amigável(is):
Ser English-friendly ou qualquer outra língua-friendly, significa que a UC é leccionada numa língua mas que se pode verificar qualquer uma das seguintes condições:
1. Existem materiais de apoio em língua inglesa/outra língua;
2. Existem exercícios, testes e exames em língua inglesa/outra língua;
3. Existe a possibilidade de se apresentar trabalhos escritos ou orais em língua inglesa/outra língua.
1 6.0 0.0 h/sem 20.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 1.0 h/sem 21.0 h/sem 129.0 h/sem 0.0 h/sem 150.0 h/sem
Em vigor desde o ano letivo 2019/2020
Pré-requisitos Não se aplica
Objectivos Os objectivos gerais desta UC englobam dar ferramentas e conceitos necessários para os alunos compreenderem a actual situação dos media em geral e do jornalismo, em particular. Serão tidos em conta os desafios para o trabalho jornalístico na actualidade, bem como para a sustentabilidade e independência dos media. Serão colocados ao dispor mecanismos que permitam um olhar crítico, aumentando também a literacia mediática e noticiosa dos discentes.
Programa A unidade curricular foca-se em temas-chave, incluindo o papel dos media e do jornalismo na vida quotidiana, a evolução dos meios de comunicação num mundo em rápida mudança, a mudança de modelos de negócios e organizações, a regulação dos media e do nascimento e ascensão das novas formas de produção e plataformas de distribuição.
A UC centra-se nos seguintes conteúdos programáticos (CP):
CP1. O papel dos "legacy media" face aos media digitais (transmedialidade e outros desafios);
CP2. Desafios do jornalismo multimédia;
CP3. A comunicação digital e a publicação multiplataforma;
CP4. A economia dos media e a gestão dos media numa época de transição e incerteza;
CP5. Visões e conhecimento dos reguladores dos media e das audiências;
CP6. Regulação dos media global e na Europa;
CP7. Da informação à desinformação;
CP8. Análise comparativa e crítica de casos;
CP9. A história do jornalismo digital nos últimos 20 anos.
Processo de avaliação Avaliação contínua: a assiduidade e participação activa será avaliada em 10%. Esta modalidade contempla também uma apresentação em aula (com um peso de 20% na nota final) e a escrita de um trabalho final, que representará 70% da nota.
Os estudantes que não optem pela avaliação contínua ou que nela não tenham aproveitamento, podem recorrer a um exame final (100% da nota) nas épocas previstas.
Processo de ensino-aprendizagem Ao longo das aulas, uma palestra semanal com discussão, os alunos terão uma visão geral do cenário atual dos media, incluindo economia, política e questões práticas sendo capazes de identificar as principais questões relacionadas com o jornalismo de hoje, para escrever um texto sobre os tópicos abordados.
Observações -
Bibliografia básica Alfter, B. (2019). Cross-border collaborative journalism: A step-by-step guide. Routledge.
Allan, S. (2009) The Routledge Companion to News and Journalism London: Routledge;
Bradshaw, P. (2018). The online journalism handbook: Skills to survive and thrive in the digital age. Routledge, 2nd Edition.
Carlsson, U. (2016). Freedom of Expression and Media in Transition: Studies and Reflections in the Digital age. Nordicom.
Chouliaraki L. (2006), Spectatorship of Suffering, London: Sage;
Fowler-Watt, K., & Allan, S. (2013). Journalism: new challenges. CJCR, Bournemouth University.
Frosh P. and Pinchevski A. (2009) Media Witnessing London: Palgrave;
De Burgh (2005) Making Journalists London: Sage;
Hafez, K. (2007) The myth of media globalization. Cambridge: Polity 2007;
Kovach, B., & Rosenstiel, T. (2014). The elements of journalism: What newspeople should know and the public should expect. Three Rivers Press (CA).
Muhlmann, G. (2008) A Political History of Journalism Cambridge: Polity;
Bibliografia complementar Bardoel, J., & Deuze, M. (2001). 'Network journalism': converging competencies of old and new media professionals. Australian journalism review, 23(2), 91.
Beckett C. (2008), Supermedia London: Blackwell;
Bourdieu, Pierre (1998) On Television and Journalism. London, Pluto.
Bradshaw, P. (2014). Data journalism. Ethics for digital journalists: Emerging best practices, 202-219.
Byerly, C. M. (Ed.). (2016). The Palgrave international handbook of women and journalism. Springer.
Callahan, S. (2003). New challenges of globalization for journalism. Journal of Mass Media Ethics, 18(1), 3-15.
Cottle, S. (2009), Global Crisis Reporting Milton Keynes: Open University Press;
Gray, J., Chambers, L., & Bounegru, L. (2012). The data journalism handbook: how journalists can use data to improve the news. " O'Reilly Media, Inc.".
Paterson, C., and Sreberny, A. (eds) (2004) International News in the 21st Century. Eastleigh: John Libbey Publishers for University of
Luton Press;
Küng, L. (2015). Innovators in digital news. Bloomsbury Publishing.
Picard, R. G. (2011). The economics and financing of media companies. Fordham Univ Press.
Silverstone, R. (2006) Media and Morality: On the rise of the Mediapolis, Cambridge: Polity.
Wilkins, L., & Christians, C. G. (Eds.). (2008). The handbook of mass media ethics. Routledge.