Aviso: Se está a ler esta mensagem, provavelmente, o browser que utiliza não é compatível com os "standards" recomendados pela W3C. Sugerimos vivamente que actualize o seu browser para ter uma melhor experiência de utilização deste "website". Mais informações em webstandards.org.

Warning: If you are reading this message, probably, your browser is not compliant with the standards recommended by the W3C. We suggest that you upgrade your browser to enjoy a better user experience of this website. More informations on webstandards.org.

Sub Menu
ISCTE-IUL  >  Ensino  >  MSS

Crime e Sociedade (1 º Sem 2019/2020)

Código: 02315
Acrónimo: 02315
Nível: 2º Ciclo
Estruturante: Não
Língua(s) de Ensino: Português
Língua(s) amigável(is):
Ser English-friendly ou qualquer outra língua-friendly, significa que a UC é leccionada numa língua mas que se pode verificar qualquer uma das seguintes condições:
1. Existem materiais de apoio em língua inglesa/outra língua;
2. Existem exercícios, testes e exames em língua inglesa/outra língua;
3. Existe a possibilidade de se apresentar trabalhos escritos ou orais em língua inglesa/outra língua.
1 6.0 0.0 h/sem 20.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 1.0 h/sem 21.0 h/sem 129.0 h/sem 0.0 h/sem 150.0 h/sem
Em vigor desde o ano letivo 2018/2019
Pré-requisitos Não tem
Objectivos Proporcionar uma introdução sociológica ao significado, natureza e relações entre crime, controlo e sociedade.
Promover um conhecimento geral dos principais conceitos e questões necessárias ao estudo do crime na actualidade, assim como das diferentes perspectivas criminológicas sobre crime e desvio.
Desenvolver competências de compreensão, reflexão crítica e problematização sobre o contexto social e político na sua relação com as políticas de combate e controlo do crime.
Programa 1. A construção social do crime
1.1.Crime e desvio: definição e perspectivas.
1.2.Concepções sobre o crime. Uma visão histórica.
1.3.Crime e estatísticas.
1.4. Media e crime, que ligações?
2. Compreender o crime: conceitos e teorias
2.1. Teorias sociológicas do crime.
2.2. O crime sob uma perspectiva integrada.
3. O contexto social do crime
3.1.Desemprego, exclusão social e crime.
3.2.Local, espaço, crime e desordem
3.3.O delinquente, o meio e a vítima
4. As dimensões sociais do crime
4.1.Sexo e crime.
4.2.Etnicidade, racismo e criminalidade.
4.3.Jovens e crime: socialização e culturas juvenis
5. As formas de crime
5.1.Pequena criminalidade e vida quotidiana
5.2.Drogas e crime.
5.3.O crime violento
5.4.Os crimes sexuais
5.5.O crime organizado
5.6.Colarinhos brancos e crime económico
6. As reacções ao crime
6.1.Controlo e prevenção.
6.2.Modernidade tardia, governabilidade e risco.
6.3.Em direcção a uma política de lei e ordem?
Processo de avaliação Avaliação periódica:
- 2 testes 50% +50%
Ou
avaliação contínua:
a) 2 fichas de leitura sobre textos a serem fornecidos pelo docente (25% +25%)
b) 1 ensaio, sobre tema a propor pelo docente, com cerca de 3-5 páginas (35%)
c) Assiduidade e participação nas aulas (15%). A assiduidade e a participação nas aulas constituem uma parte integrante deste sistema de avaliação. 70% presenças nas aulas
Ou
Avaliação por exame.100%
Processo de ensino-aprendizagem Esta unidade curricular propõe-se atingir os seus objectivos através de:
a) Aulas de exposição, em que o docente transmite, de forma sintética e problematizada, os conteúdos do programa;
b) Aulas práticas realizadas pelos alunos, para debate de textos;
c) Apoio tutorial
Observações
Bibliografia básica CUSSON,Maurice(2006)Criminologia,Cruz Quebrada,Casa das Letras.
DIAS. Jorge de Figueiredo e Manuel Costa Andrade(1984)Criminologia. O homem delinquente e a sociedade criminógena,Coimbra,Coimbra Editora.
GARLAND,David(2005)La cultura del control. Crimen y orden social en la sociedad contemporánea,Barcelona,Gedisa.
HAGAN,Frank E.(2008)Introduction to criminology,Thousand Oaks,CA,Sage Publishing.
HALE,Chris et alts(2009)(Eds.),Criminology,Oxford,Oxford University Press.
JONES,Stephen(2001)Criminology,London,Butterworths
MAGUIRE,Mike et alts(2007)The Oxford handbook of criminology,Oxford,Clarendon Press.
MUNCIE,John(1999)Youth and Crime. A critical introduction,London,Sage.
NEWBURN,Tim(2007)Criminology,Cullompton,Willan Publishing.
NUNES,Laura(2010)Crime e comportamentos criminosos,Porto,Edições Universidade Fernando Pessoa.
ROBERT,Phillipe(2002)Cidadão,o crime e o Estado,Lisboa,Editorial Noticias.
ROBERT,Philippe(2010)Sociologia do crime,Petrópolis,Editorial Vozes.
Bibliografia complementar AGRA, Cândido (1998) Crime e droga, Lisboa, editorial Notícias.
ALMEIDA, Maria Rosa Crucho de e Ana Paula Alão (1995) Inquérito de vitimação 1994, Lisboa, Gabinete de Estudo e Planeamento do Ministério da Justiça.
ALMEIDA, Maria Rosa Crucho de (2000) Vitimação e insegurança em Lisboa, Lisboa, Gabinete de Estudo e Planeamento do Ministério da Justiça.
BECKER, Howard (1973) Outsiders. Studies in the sociology of deviance, New York, The Free Press.
BODIN, Véronique et Jean François DORTIER (2011) (Ed) Violence(s) et société aujourd?hui, Auxerre, Sciences Humaines Éditions.
BODY-GENDROT, Sophie (1995) Ville et violence. L?irruption de nouveaux acteurs, Paris, PUF.
BODY-GENDROT, Sophie (1998) Les villes face à l?insécurité. Des ghettos américains aux banlieues françaises, Paris, Bayard Éditions.
BOURGOIN, Stéphane AEBI, Marcelo (2006) Comment mesurer la délinquance?, Paris, Armand Colin.
COHEN, A (1966) Deviance and control, New Jersey, Prentice Hall.
COHEN, A (1971) Delinquent boys: the culture of the gang, New York, The Free Press.
COSTA, Jose Martins Barra da (1999) Práticas delinquentes. De uma criminologia do anormal a uma atropologia da marginalidade, Lisboa, Edições Colibri.
COSTA, Jose Martins Barra da (Org.) (2002) Agressão e contra agressão nas margens de Lisboa, Lisboa, Edições Colibri.
COSTA, José Martins Barra da (2003) Filhos do diabo, Lisboa, Edições Colibri.
COSTA, José Martins Barra (2003) Sexo, nexo e crime. Teoria e investigação da delinquência sexual, Lisboa, Edições Colibri.
CLARKE, John et alts (Eds.) (2000) New managerialism, new welfare?, London Sage.
ESTEVES, Alina (1999) A criminalidade na cidade de Lisboa: uma geografia da insegurança, Lisboa, Edições Colibri.
FARRINGTON, David P (2005) (Ed) Integrated developmental and life-course theories, New Brunswick, Transaction Publishers.
FELSON, Marcus (1994) Crime and everyday life. Insights and implication for society, Thousand Oaks, Pine Forge Press.
FENECH, Georges (2001) Tolerância zero. Acabar com a criminalidade e a violência urbana, Mem Martins, Editorial Inquérito.
FERNANDES, Luís (1998) O sítio das drogas ? Etnografia das drogas numa periferia urbana, Lisboa, Editorial Notícias
FERREIRA, Eduardo Viegas (1998) Crime e insegurança em Portugal, Oeiras, Celta Editora.
FONSECA, António Castro (Ed.) (2002) Comportamento anti-social e crime: da infância à idade adulta, Coimbra, Almedina
FROIS, Catarina (2008) (org.) A sociedade vigilante. Ensaios sobre identificação, vigilância e privacidade, Lisboa, Instituto de Ciências Sociais.
FUNES, Jaime (1991) La nueva delincuencia infantil y juvenil, Barcelona, Paidos.
GUIA, Maria João (2008) Imigração e criminalidade violenta. Caleidoscópio de imigrantes reclusos, Coimbra, Almedina.
GUIA, Maria João (2010) Imigração e criminalidade violenta. Mosaico da reclusão em Portugal, Lisboa, Serviços de Estrangeiros e Fronteiras.
INNES, Brain (2004) Mentes criminosas, Lisboa, Estampa.
INNES, Martin (2003) Understanding social control: deviance, crime and social order; Maidenhead, Open University Press
KUHN, André e Cândido Agra (2010) Somos todos criminosos?, Alfragide, Casa das Letras
LIPPENS, Ronnie (2009) A very short, fairly interesting and reasonably cheap book about studying criminology, London, Sage.
MACHADO, Carla (2004) Crime e insegurança. Discursos do medo, imagens do outro, Lisboa, Editorial Notícias.
MACHADO, Miguel Pedrosa (1998) Formas de crime, Cascais, Principia.
MARTINS, Moisés de Lemos (Coord.) (2000) Crime e castigo. Práticas e discursos, Braga Instituto de Ciências Sociais da Universidade do Minho.
MATTHEWS, Roger e John Pitts (Eds.) (2001) Crime, disorder and community safety, London, Routledge.
MATTHEWS, Roger (2002) Armed Robbery, s.l. Willan Publishing.
MATTHEWS, Roger e Jock Young (2003) New politics of crime and punishment, Cullompton, Willan Publishing.
MATTHEWS, Roger e John Pitts (Eds) (1989) Privatising criminal justice, London, Sage.
MATZA, David (1981) El proceso de desviación, New Jersey, Madrid, Prentice-Hall.
MATZA, David (1992) Delinquency and Drift, Brunswich and London, Transaction Publishers
McLAUGHLIN, Eugene e John. Muncie (Eds.) (2001) Controlling crime, London, Sage Publications.
McLAUGHLIN, Eugene e John. Muncie (Eds.) (2001) The problem of crime, London, Sage Publications.
McLAUGHLIN, Eugene e John. Muncie (Eds.) (2001) The Sage dictionary of criminology, London, Sage.
MUNCIE, John et alts (2002) Criminological perspectives : A reader, London, Sage.
NEGREIROS, Jorge (2001) Delinquências juvenis. Trajectórias, intervenções, prevenção, Lisboa, Editorial Notícias
MORGADO, Maria Jose e José Vegar (2003) O inimigo sem rosto. Fraude e corrupção em Portugal, Lisboa, D. Quixote.
NEWBURN, Tim and Elizabeth A. Sanko (1994) Just boy doing business, London and Ney York, Routlede
NEWBURN, Tim (Ed.) (2009) Key readings in criminology, Cullompton, Willan Publishing.
OLIVEIRA, Francisco Carlos Pereira da Costa (1999) Homicídio a soldo em Portugal. Fenomenologia e presença jurisprudencial, Lisboa, Associação Académica da Faculdade de Direito de Lisboa.
PAIS, Elza M. H. Deus (2010) Homicídio conjugal em Portugal. Rupturas violentas da conjugalidade, 2ª edição, Lisboa, INCM.
PENEDO, Cristina Carmona (2003) O crime nos media, Lisboa, Livros Horizonte.
ROCHÉ, Sébastien (1996) La société incivile. Qu?est-ce que l?insécurité ?, Paris, Seuil.
ROCHÉ, Sébastien (1998) Sociologie politique de l?insécurité. Violences urbaines, inégalités et globalisation, Paris, PUF.
ROCHÉ, Sébastien (2001) La délinquance des jeunes. Les 13-19 ans raconte leurs délits, Paris, Seuil.
ROCHÉ, Sébastien (2002) Tolérance zéro. Incivilités et insécurité?, Paris, Odile Jacob.
ROCHÉ, Sébastien (2003) En quête de sécurité. Causes de la délinquance et nouvelles réponses, Paris, Armand Colin.
ROCHÉ, Sébastien (2006) Le frisson de l?émeute. Violences urbaines et banlieues, Paris, Seuil.
SEABRA, Hugo Martinez de (2005) Delinquência a preto e branco. Estudo de jovens em reinserção, Porto, ACIME.
SEBASTIÃO, João (1998) Crianças de rua: modos de vida marginais na cidade de Lisboa, Oeiras, Celta Editora.
SHAW, Clifford R. (1966) The Jack-Roller. A delinquent boy?s own story, Chicago, The University of Chicago Press.
SHORT (Jr), James F (1997) Poverty, ethnicity and violent crime, Oxford, Westview Press
SIEGEL, Larry J (2007) Criminology: Theories, patterns and typologies, Belmont, Thomson/Wadswort.
STENSON, Kevin e Robert R. Sully (2000) (Eds) Crime, risk and justice. The politics of crime control in liberal democracies, s.l. Willan Publishing.
SUTHERLAND, Edwin H. (1993) Ladrones profesionales, Madrid, Las Ediciones de la Piqueta.
SZLAKMANN, Charles (1992) La violence urbaine. A contre-courant des idées reçues, Paris, Robert Laffont.
TEIXEIRA, João Marques (2000) Comportamento criminal, Linda-a-Velha, Vale eVale Lda.
WACQUANT, Loic (2007) Los condenados de la ciudad. Gueto, periferias y Estado, Madrid, Siglo Veintiuno de de España Editores.
WACQUANT, Loic (2007) Punir les pauvres, Marseille, Agone.
WALKLATE, Sandra (1998) Understanding criminology. Current theoretical debates, Buckingham, Open University Press.
YOUNG, Jock (2002) A sociedade excludente. Exclusão social, criminalidade e diferença na modernidade recente, Rio de Janeiro, Instituto Carioca de Criminologia.