Aviso: Se está a ler esta mensagem, provavelmente, o browser que utiliza não é compatível com os "standards" recomendados pela W3C. Sugerimos vivamente que actualize o seu browser para ter uma melhor experiência de utilização deste "website". Mais informações em webstandards.org.

Warning: If you are reading this message, probably, your browser is not compliant with the standards recommended by the W3C. We suggest that you upgrade your browser to enjoy a better user experience of this website. More informations on webstandards.org.

Sub Menu
ISCTE-IUL  >  Ensino  >  METI

Ambientes Distribuídos (2 º Sem 2017/2018)

Código: M4301
Acrónimo: M4301
Nível: 2º Ciclo
Estruturante: Não
Língua(s) de Ensino: Português
Língua(s) amigável(is):
Ser English-friendly ou qualquer outra língua-friendly, significa que a UC é leccionada numa língua mas que se pode verificar qualquer uma das seguintes condições:
1. Existem materiais de apoio em língua inglesa/outra língua;
2. Existem exercícios, testes e exames em língua inglesa/outra língua;
3. Existe a possibilidade de se apresentar trabalhos escritos ou orais em língua inglesa/outra língua.
1 6.0 18.0 h/sem 0.0 h/sem 18.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 1.0 h/sem 37.0 h/sem 113.0 h/sem 0.0 h/sem 150.0 h/sem
Em vigor desde o ano letivo 2012/2013
Pré-requisitos Domínio da leitura em inglês. Domínio da linguagem de programação Java.
Objectivos Os alunos desenvolverão competências na área dos estudos teóricos e práticos dos fenómenos de emergência nos sistemas distribuídos e sociais. O trabalho será orientado para a investigação.
Programa 1. Introdução - As correntes emergentistas em ciências sociais. Alternativas e definições.
2. Autómatos celulares - conceitos fundamentais, Modelo de Segregação de Schelling, programação em Repast.
3. Simulação social multi-agente I - noções fundamentais, modelação: AORML e ODD.
4. Simulação social multi-agente II - Bar El Farol, programação em Repast.
5. Teoria de Redes I - noções fundamentais, grafos directos e indirectos, ciclos, clustering, grafos bipartidos, homofilia, processos de ramificação, grafos Erdös-Renyi, "degree", fases de transição, componentes gigantes.
6. Teoria de Redes II - "rich get richer", "power laws", "small worlds", grafos aleatórios, epidemiologia, comunidades.
7. Hiper-redes.
8. Topologia de redes - Network Workbench, métricas, ferramentas gráficas.
9. Modelos matemáticos de complexidade social - Kolmogorov, Bennett, Lofgren, Kauffman, Wimsatt, Heilighene e Luhman.
10. Investigação em curso.
11. Projecto.
Processo de avaliação Avaliação Continua:
- Projeto (90%) - Um projeto, realizado em grupo (até três elementos), demonstrado em orais individuais.
- Participação nas aulas (10%).
Exame Final:
O exame final é composto por um teste individual e sem consulta, em computador, que engloba toda a matéria.
Processo de ensino-aprendizagem Aulas teórico-práticas em laboratório (3 x 1,5 horas por semana).
Nas aulas serão utilizadas as seguintes metodologias de aprendizagem (ME):
1. Expositivas, para apresentação da teoria e de exemplos de programação;
2. Participativas, com análise e resolução de exercícios práticos em computador;
3. Ativas, com realização de trabalhos de grupo em computador;
4. Trabalho Autónomo: Além da assiduidade às aulas espera-se do aluno um tempo de trabalho autónomo de cerca de 9,5 horas.
Observações
Bibliografia básica * Schelling, Thomas, ? Micromotives and Macrobehavior ?,  Ed. W. W. Norton and Co., 1978.
* Emily M. Jin, Michelle Girvan, MEJ Newman. ? The structure of growing social networks ?. Santa Fe Institute Working Paper #01-06-032. 2005
* Grimm, Volker et al. : ? A standard protocol for describing individual-based and agent-based models ?, in Ecological Modelling Num.198, pp.115?126, 2006.
* Arthur, Brian : ? Inductive Reasoning and Bounded Rationality ?, American Economic Review (Papers and Proceedings), 84, pp.406-411, 1994.
* Wagner, G. : ? The Agent-Object-Relationship Meta-Model : Towards a Unified View of State and Behavior ?, Information Systems 28:5, pp. 475-504, 2003.
* Edmonds, B. : ? Syntactic Measures of Complexity ?.  Thése de doctorat, University of Manchester, Manchester, UK, 1999.
* Johnson, Jeffrey: ? Hypernetworks for reconstructing the dynamics of multilevel systems ?, Proc. European Conference on Complex Systems, Oxford University, 2006.
Bibliografia complementar * Vicsek, Tamas: ? A question of scale ?, in Nature, Vol.411, 24 May 2001, ed. Macmillan Magazines, 2001.
* Vicsek, Tamas: ? The bigger picture ", in Nature, Vol.418, 11 July 2002, ed. Macmillan Magazines, 2002.
* Robert, Goldstone et Janssen, Marco: ? Computational models of collective behavior ?, in TRENDS in Cognitive Sciences, Vol.9, No.9, Septembre 2005.
* Janssen, Marco et Ostrom, Elinor : ? Empirically Based, Agent-Based models ?, in Ecology and Society, Vol.11, No.2, pp.37, 2006.
* Borgatti, S.P., Everett, M.G. et Freeman, L.C. : ? Ucinet for Windows: Software for Social Network Analysis ?. Harvard, MA: Analytic Technologies, 2002.
* Hanneman, Robert A. e Mark Riddle. ? Introduction to social network methods". Riverside, CA: University of California, Riverside. 2005.