Aviso: Se está a ler esta mensagem, provavelmente, o browser que utiliza não é compatível com os "standards" recomendados pela W3C. Sugerimos vivamente que actualize o seu browser para ter uma melhor experiência de utilização deste "website". Mais informações em webstandards.org.

Warning: If you are reading this message, probably, your browser is not compliant with the standards recommended by the W3C. We suggest that you upgrade your browser to enjoy a better user experience of this website. More informations on webstandards.org.

Sub Menu
ISCTE-IUL  >  Ensino  >  MED

Educação, Formação e Qualificação de Pessoas (2 º Sem 2018/2019)

Código: M4610
Acrónimo: M4610
Nível: 2º Ciclo
Estruturante: Não
Língua(s) de Ensino: Português
Língua(s) amigável(is):
Ser English-friendly ou qualquer outra língua-friendly, significa que a UC é leccionada numa língua mas que se pode verificar qualquer uma das seguintes condições:
1. Existem materiais de apoio em língua inglesa/outra língua;
2. Existem exercícios, testes e exames em língua inglesa/outra língua;
3. Existe a possibilidade de se apresentar trabalhos escritos ou orais em língua inglesa/outra língua.
1 6.0 0.0 h/sem 20.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 1.0 h/sem 21.0 h/sem 129.0 h/sem 0.0 h/sem 150.0 h/sem
Em vigor desde o ano letivo 2017/2018
Pré-requisitos Não há
Objectivos - Conscientizar os alunos da complexidade da relação entre educação, formação, qualificação e desenvolvimento
- Dotar os alunos dos conhecimentos básicos sobre os desafios que se colocam hoje - Explorar as relaçóes entre a vertente prática e a base teórica
- Promover uma análise crítica sobre a interligação entre sistemas económicos, métodos educativos e desigualdades sociais.
Programa P1 - Definição de conceitos e relação entre educação e desenvolvimento
- Conceitos
- Efeitos da globalização sobre a educação

P2 - Abordagem crítica da educação: Teóricos básicos
- John Dewey, Miles Horton
- Paulo Freire, Henry Giroux

P3 - Perspetivas pós-coloniais e pós-modernas
- Para além do "pensamento abissal" (Boaventura de Sousa Santos)
- Educação não-formal e emergência do movimento dos direitos civis nos EUA
- "Educação bancãria" versus "educação emancipatória"

P4 - Interseccionalidades - A abordagem do género, raça e classe social na educação transformadora
- Bell Hooks
- Gloria Anzaldua
- Sílvia Federeci

P5 - Pesquisa-ação, desenvolvimento participativo e emancipação social
Casos de estudo
Processo de avaliação Avaliação contínua:
- Realização de um trabalho individual de pesquisa acerca de um tema proposto pelos alunos (max 12 p. sem bibliografia)
- Avaliação qualitativa com base na participação ativa nas aulas
A ponderação do trabalho é de 80% e a da avaliação qualitativa de 20% na nota final.

Avaliação Final:
Nota Final = [Exame de 1.ª Época]*100%
Processo de ensino-aprendizagem A maioria do tempo lectivo é ocupada por aulas teórico-práticas em que se pretende a participação ativa dos alunos.
Mas existem também aulas teóricas, expositivas, realização de sessões de orientação tutorial (nomeadamente para o trabalho individfual), discussão coletiva de textos previamente distribuídos, de estudos de caso e de dados estatísticos.
Observações
Bibliografia básica - Conti, GJ. 1997. Rebels With a Cause: Myles Horton and Paulo Freire. Community College Review, 5, Summer 1977
- Federici, S. 2009. "Education and the Enclosure of Knowledge in the Global University". ACME: An International E-Journal for Critical Geographies, 8 (3), 454-461
- Freire, P. 1970. "The Adult Literacy Process as Cultural Action for Freedom and Education and Conscientização". Harvard Educational Review, 40: 205-12
- Hooks, B. 1994. Teaching to Transgress: Education as the Practice of Freedom. New York, London: Routledge
- UNESCO (2017): Education for Sustainable Development Goals, UNESCO.
Bibliografia complementar _____. 2010. "Learning to Breathe Protest". Variant 37, Spring/Summer 2010
- Alidou, O, G Caffentzis and S Federici. 2008. "' We no go sit down': CAFA and the Struggle Against Structurally Adjusted Education in Africa". JHEA/RESA, 6, (2&3): 61-75
- Amsler, S, JE Canaan, S Cowden, S Motta and G Singh. 2010. "Why critical pedagogy and popular education matter today". C-SAP: Higher Education Academy Subject Network for Sociology, Anthropology, Politics
- Diaz, J. 2010. Comunidades Eclesiales de Base y Proceso de Liberación. Universidad de Carabobo: Facultad de Ciencias de la Salud, Dirección de Posgrado, Doctorado en Ciencias Sociales, Mención: Estudios Culturales
- Esteves, AM. 2013. "Experiential and relational dimensions in the pedagogical practice of Solidarity Economy: Insights from Brazil". pp. 203-20 in Sara C. Motta and Mike Cole. Education and Social Change in Latin America. London, UK: Palgrave Macmillan Press
- Giroux, N. 1992. Border crossings: Cultural workers and the politics of education, New-York, Routledge.
- Motta, SC and AM Esteves. 2014. "Reinventing emancipation in the 21st century: The pedagogical practices of social movements". Interface: A journal for and about social movements. Volume 6 (1): 1 - 24 (May 2014)
- Rugut, EJ and AA Osman. 2013. 'Reflection on Paulo Freire and Classroom Relevance". American International Journal of Social Science, 2 (2): 23-8
- Sen, A. 2004, "Development as capability expansion", in Kumar, A. K. Shiva; Fukuda-Parr, Sakiko, Readings in human development: concepts, measures and policies for a development paradigm, New Delhi New York: Oxford University Press, ISBN 9780195670523.
- Specia, A and AA Osman. 2015. "Education as a Practice of Freedom: Reflections on bell hooks". Journal of Education and Practice, 6(17): 195-99
- Thayer-Bacon, TJ. 2004. "An Exploration of Myles Horton's Democratic Praxis: Highlander Folk School". Educational Foundations, Spring 2004: 5-23