Aviso: Se está a ler esta mensagem, provavelmente, o browser que utiliza não é compatível com os "standards" recomendados pela W3C. Sugerimos vivamente que actualize o seu browser para ter uma melhor experiência de utilização deste "website". Mais informações em webstandards.org.

Warning: If you are reading this message, probably, your browser is not compliant with the standards recommended by the W3C. We suggest that you upgrade your browser to enjoy a better user experience of this website. More informations on webstandards.org.

Sub Menu
ISCTE-IUL  >  Ensino  >  MESS

Seminário de Investigação em Economia Social Solidária (1 º Sem 2019/2020)

Código: M9093
Acrónimo: M9093
Nível: 2º Ciclo
Estruturante: Não
Língua(s) de Ensino: Português
Língua(s) amigável(is):
Ser English-friendly ou qualquer outra língua-friendly, significa que a UC é leccionada numa língua mas que se pode verificar qualquer uma das seguintes condições:
1. Existem materiais de apoio em língua inglesa/outra língua;
2. Existem exercícios, testes e exames em língua inglesa/outra língua;
3. Existe a possibilidade de se apresentar trabalhos escritos ou orais em língua inglesa/outra língua.
1 6.0 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 20.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 20.0 h/sem 130.0 h/sem 0.0 h/sem 150.0 h/sem
Em vigor desde o ano letivo 2019/2020
Pré-requisitos Conhecimentos consolidados em Economia Social e Solidária
Objectivos O Programa da Unidade Curricular Seminário de Investigação tem por objectivo apoiar os participantes na preparação das respectivas dissertações e trabalhos de projeto.
Programa CP1. Contexto
CP2. O contexto histórico contemporâneo e o pensamento científico
CP3. Estrutura geral da dissertação: Como se faz uma dissertação
CP4. Contexto do problema de investigação
CP5. Enquadramento teórico-conceptual (modelo de análise)
CP6. Metodologia
CP7. Resultados e conclusões
CP8. Questões formais
Processo de avaliação A avaliação será baseada em:
a) Participação regular nas sessões de trabalho centradas no desenvolvimento das propostas de dissertação e trabalho de projeto (40%);
b) Relatório de Progresso a apresentar em data a definir em conselho de ano (30%);
c) Apresentação final do projecto de dissertação(30%).
Processo de ensino-aprendizagem O desenvolvimento da unidade curricular assenta em:
a) delimitação do quadro global de referência;
b) os participantes são convidados a apresentar regularmente o 'ponto de situação' dos seus trabalhos de investigação (contexto, 'questão de partida', quadro teorico-conceptual, metodologia, etc.);
c) os participantes são convidados a exercitar e consolidar a sua capacidade de reflexão colectiva em aproximação a um processo de 'co-orientação inter-pares'
Observações
Bibliografia básica Albarello, L. 1997, Práticas e Métodos de Investigação em Ciências Sociais, Gradiva, Lisboa
Hespanha, P., Mendonça dos Santos, A. 2011, Economia Soldária: Questões Teóricas e Epistemológicas, Almedina, Coimbra
Flyvbjerg, B. 2006, Five Misunderstandings About Case-Study Research, Qualitative Inquiry, Vol. 12, nº 2
Hancké, B. 2009, Intelligent Research Design: A Guide for Beginning Researchers in the Social Sciences, Oxford University Press, Oxford,  Santos, B.S. 1987, Um Discurso Sobre as Ciências, Afrontamento, Porto
Sayer, A. 1984, Method in Social Science: a Realist Approach, Hutchinson, London
Sedas Nunes, A. 1982, Questões Preliminares Sobre as Ciências Sociais, Presença, Lisboa
Silva, A.S., Pinto, J. M. (org.) 1986, Metodologia das Ciências Sociais,  Afrontamento, Porto
Strauss, A., Corbin, J. 1996, Basics of Qualitative Research:  
Techniques and Procedures for Developing Grounded Theory, Sage, London
Bibliografia complementar Brannen, J. 2005, Mixed methods research: a discussion paper, Economic & Social Research Council, National Centre for Research Methods. URL: http://eprints.ncrm.ac.uk/89/1/MethodsReviewPaperNCRM-005.pdf
Bryman, A. 2012, Social Research Methods, Oxford University Press, Oxford
Carrilho, M. 1994, A Filosofia Das Ciências: De Bacon a Feyerabend, Presença, Lisboa
Chalmers, A. 1987, Qu? Est-ce Que La Science ?, La Découverte, Paris
Comissão Calouste Gulbenkian 1996, Para Abrir as Ciências Sociais, Europa-América, Mem-Martins
Kuhn, T. 1970, The Structure of Scientific Revolutions, The Univeristy of Chicago Press, London
Parrochia, D. 1997, Sciences Exactes et Sciences de l?Homme: les Grandes Étapes, Ellipses, Paris
Santos, B. S. 2003, Conhecimento Prudente para uma Vida Decente, Afrontamento, Porto
Santos, B.S. 1989, Introdução a uma Ciência Pós-Moderna,  Afrontamento, Porto
Sayer, A. 2000, Realism and Social Science, Sage, London
Sedas Nunes, A. 1992, História dos Factos e das Doutrinas Sociais, Presença, Lisboa
Sedas Nunes, A. 1981, Sobre o Problema do Conhecimento nas Ciências Sociais, Instituto de Ciências Sociais, Lisboa