Aviso: Se está a ler esta mensagem, provavelmente, o browser que utiliza não é compatível com os "standards" recomendados pela W3C. Sugerimos vivamente que actualize o seu browser para ter uma melhor experiência de utilização deste "website". Mais informações em webstandards.org.

Warning: If you are reading this message, probably, your browser is not compliant with the standards recommended by the W3C. We suggest that you upgrade your browser to enjoy a better user experience of this website. More informations on webstandards.org.

Sub Menu
ISCTE-IUL  >  Ensino  >  MEECult

Projectos Culturais de Património (2 º Sem 2018/2019)

Código: 00846
Acrónimo: PC_1
Nível: 2º Ciclo
Estruturante: Não
Língua(s) de Ensino: Português
Língua(s) amigável(is):
Ser English-friendly ou qualquer outra língua-friendly, significa que a UC é leccionada numa língua mas que se pode verificar qualquer uma das seguintes condições:
1. Existem materiais de apoio em língua inglesa/outra língua;
2. Existem exercícios, testes e exames em língua inglesa/outra língua;
3. Existe a possibilidade de se apresentar trabalhos escritos ou orais em língua inglesa/outra língua.
1 6.0 0.0 h/sem 20.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 0.0 h/sem 1.0 h/sem 21.0 h/sem 129.0 h/sem 0.0 h/sem 150.0 h/sem
Em vigor desde o ano letivo 2012/2013
Pré-requisitos Nao tem
Objectivos A unidade curricular visa dotar os alunos de ferramentas operativas em matéria de construção de um projeto, ancorado na realidade portuguesa, no sector do património cultural.
Programa CP1 Conceitos introdutórios sobre projetos culturais
- Definição e caraterísticas do projeto
- Delimitações do sector cultural
- O trabalho ao projeto no sector cultural
CP2 O desenho de um Projeto Cultural
- O Diagnóstico
- A definição do projeto
- A produção do projeto
CP3 O setor da Cultura em Portugal
- Políticas culturais
- Agentes / players
- Património histórico-cultural:museus, galerias, bibliotecas e arquivos, espetáculos e acontecimentos de conotação cultural
- Turismo cultural
- Serviços de animação, de educação e de extensão cultural
- Caracterização económica
- Constrangimentos e oportunidades
CP4 Casos práticos
Processo de avaliação A avaliação da unidade curricular centra-se na elaboração de um projeto cultural e concretiza-se em dois momentos:
1. Apresentação oral individual na sala de aula do trabalho/projeto cultural (30%);
2. Entrega do trabalho/projeto cultural individual por escrito no final das aulas (70%).
Processo de ensino-aprendizagem A metodologia assenta em aulas expositivas sobre os conteúdos programáticos e no estudo individual tendo por base a bibliografia e o interesse específico do aluno inerente à seleção do projeto cultural que se propõe construir.
Observações -
Bibliografia básica BONET, Lluís, CASTAÑER, Xavier e FONT, Josep (eds.) (2006[2001]), Gestión de Proyectos Culturales: Análisis de Casos, Barcelona, Ariel.
GINSBURGH, V. A. e THROSBY, D., (eds.) (2006), Handbook of the Economics of Art and Culture, vol 1, Amsterdão, Elsevier, (E.172 Han v.1 2 ex)
PATIN, Valéry (1999), ?Cultura e Turismo: para uma Economia de Mercado? in Pedra&Cal, Ano I, nº 3, Jul/Ago/Set.
RALLET, Alain (2001), ?Le Patrimoine et l?Économie? in Pays d?Art et d?Histoire et Pôles d?Économie du Patrimoine, Paris, La Documentation Française.
ROSELLÓ-CEREZUELA, David (2007[2004]), Diseño y Evaluación de Proyectos Culturales, Barcelona, Ariel.
SARLANGA, Emmanuelle (1997), Les Routes Touristiques. De la Conception à l?Animation, Paris, ACFCI.
TINOCO, Alfredo (2012), "Alfredo Tinoco: Artigos e comunicações", Cadernos de Sociomuseologia, 42.
Bibliografia complementar AAVV (2004), Públicos da Cultura, Lisboa, OAC.
AAVV (2006), The Economy of Culture in Europe, Bruxelas, KEA (document eletrónico)
CARVALHO, José Maria Lobo de (2007), Conservação do Património. Políticas de Sustentabilidade Económica, Tese de Doutoramento apresentada ao Instituto Superior Técnico da Universidade Técnica de Lisboa.
FORTUNA, Carlos e LEITE, Rogerio Proença (orgs.) (2009), Plural de Cidade: Novos Léxicos Urbanos, Coimbra, Almedina.
GREFFE, Xavier (1999), La Gestion du Patrimoine Culturel, Paris, Anthropos.
MENGER, Pierre-Michel (2005[2002]), Retrato do Artista Enquanto Trabalhador. Metamorfoses do Capitalismo, Lisboa, Roma Editora.
SANTOS, Maria de Lourdes Lima dos e PAIS, José Machado (orgs.) (2010), Novos Trilhos Culturais. Práticas e Políticas, Lisboa, ICS.